| Saúde | Tenho dermatite atópica... e agora?

15:18

Este tipo de dermatite não é nada de outro mundo e sei do que falo. Descobre o porquê!

dermatite

Faço parte desse grupo que sofre de dermatite atópica, também chamada de eczema atópica. Esta doença de pele apresenta-se como sendo uma inflamação crónica com prurido que tem crises inflamatórias intercaladas com períodos de acalmia.
No geral, o eczema surge ainda em criança, o que foi precisamente o meu caso: tinha 4 anos quando me surgiu e foram as pregas ou as chamadas "dobras" as zonas mais afetadas (nomeadamente, dos braços e das pernas), sendo que pouco depois esta desapareceu por completo.
Há pouco mais de um ano, comecei a sofrer desta doença novamente. Desta vez, ela apareceu-me nas mãos e, ao que parece, veio para ficar.

Como se apresenta a dermatite?

Nas minhas mãos, elas ficam bastante secas e começam com um ligeiro vermelhidão, que é sinal de que está para vir uma crise de eczema. Seguidamente, surgem uma espécie de cortes na pele e, por fim surge uma crosta e muita comichão (que muitas vezes é insuportável). Por vezes, a pele chega ao ponto de deitar um ligeiro líquido e os dedos a incharem.

Como tratar?
Segundo o meu dermatologista, não existe um tratamento que erradique a dermatose. Basicamente, temos de aprender a viver com ela e a tomar alguns cuidados. Utilizo um creme específico para pele atópica que vai acalmando a pele e todos os dias não posso dispensar o creme barreira. Este último tem como função formar uma espécie de "película" que protege a pele de agressões externas que possam ativar uma crise.

dermatite
Utilizo o creme barreira da A-Derma, disponível em farmácias e parafarmácias

Quais as precauções a tomar?
Como sofro deste problema nas mãos, são muitos os cuidados a ter (mais do que gostaria). Tenho de usar luvas para tudo o que sejam tarefas domésticas, sobretudo quando tenho contacto com qualquer detergente. O pó, nalgumas vezes, também faz a minha pele reagir e entrar em crise, pelo que já cheguei ao ponto de ter de limpar o pó com luvas (o que não é nada prático).
Banho com água muito quente é algo a evitar, pois deixa a pele bastante seca. Quanto a sabonete, gel de banho e outros produtos de higiene, vou conhecendo por tentativas quais os que a minha pele vai tolerando e a quais esta reage (que, no geral, são produtos que não possuem PH neutro).

O detergente da loiça está presente em todas as casas, serve para lavar a loiça suja mas não só, existem várias forma de utilizar este detergente para reso
Quando me refiro a detergentes, incluo detergente da loiça, que parece inofensivo!

O que fazer nos períodos de crise?
Nestes períodos, tenho de recorrer a cremes com dermocorticóides. Estes só podem ser utilizados num período máximo de 14/15 dias (2 semanas), até porque, posteriormente, a pele deixa de reagir a esta substância.
Claro está que, nestas alturas, as minhas mãos quase que viram umas "não me toques". Posso chegar ao ponto de simplesmente as mãos terem a pele tão ressequida e cheia de prurido que mal consigo mexer os dedos. Isto para não falar do quão inestético estas ficam (no inverno, muita gente pensa que ando com frieiras).

E nos períodos de acalmia?
Aqui, as mãos apresentam um aspeto quase normal. Possuem algumas partes bastante secas, mas nada que umas boas camadas de creme não disfarcem (raramente conseguem "apagar").
É claro que as luvas são usadas em variadas tarefas do quotidiano, ainda que, passado mais de um ano, não seja grande fã delas, mas há que zelar pelo bom estado da minha pele.

dermatite
Este creme da Bioderma é grande aliado das minhas mãozinhas (também disponível em farmácias e parafarmácias)

Se tenho dermatite nas mãos, significa que não posso usar um creme de mãos normal?
Pode-se usar um creme de mãos normal, daqueles que estão disponíveis nos supermercados, por exemplo. Só temos que ter em atenção ao facto de estes serem para pele seca ou pele sensível e depois vai-se por tentativas: se a pele reagir, paramos de o usar. Caso contrário, pode-se utilizar o creme sem qualquer problema, já que não vai prejudicar a pele em nada.

Quanto é que tudo isto afeta o quotidiano?
Para quem não sabe que sofro de dermatite, pensa que sou uma "não me toques", que não quero é partir as unhas! Mas bem, tirando aquela vontade de coçar as mãos como se não houvesse amanhã em períodos de crise (que devo evitar, mas que há dias em que não resisto mesmo), não me afeta grande coisa.
Só tive de aprender a ganhar o hábito de colocar as luvas para determinadas coisas (que, na verdade, demorei imenso tempo a ganhar tal hábito).

Quem desse lado sofre de dermatite atópica ou conhecem quem tenha?

You Might Also Like

8 comentarios

  1. Achei este post muito útil para quem tem este problema minha querida!

    Beauty and Fashion | Instagram

    ResponderEliminar
  2. Gostei do post !!
    Mil e um beijinhos,

    https://kika--maria.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  3. Tenho desde bebé, e veio sempre a piorar. Quando entrei no secundário foi quando ficou o pior... Tenho de tomar todos os dias anti-histaminicos, creme corporal todos os dias duas vezes, e muitas outras precauções. Em semanas de testes, devido ao stress, era horrivel. As costas cheias de feridas, cheias de sangue, o pescoço, pernas... As noites eram díficeis, e não é o que se quer em vésperas de testes. Acordava de manhã com sangue nas mãos, porque coçava durante a noite sem saber. Exames finais, foram épocas horríveis, tanto no 11º como 12º. Tive que andar a tomar cortisona oral, o que faz extremamente mal ao resto do organismo, a calmantes,... E mesmo assim, estava cheia de feridas. Até na cara começou a aparecer, nas sobrancelhas, onde os pelos caiam.
    Semanas extremamente difíceis, mas há doenças piores.
    Beijinhos
    Joana
    https://curlyhairandlipsticks.wordpress.com

    ResponderEliminar
  4. Such a lovely blog :)I'm following you, would you like to follow me back?
    Kiss

    ResponderEliminar
  5. R: Obrigada pelas tuas palavras no meu último post, linda <3 Infelizmente, cada vez mais os jovens sofrem com esta enorme pressão que em nós impõem... Fico super feliz que agora estejas bem ^^

    Eu tenho eczema crónico no ouvido, e por vezes aparece-me também no couro cabeludo, pelo que sei bem a chatice que é :( Os cuidados que necessitas de ter são mesmo imensos :o Ainda bem que encontraste esses amiguinhos cremes!

    Beijinhos,
    Blog An Aesthetic Alien | Instagram | Facebook
    Youtube

    ResponderEliminar
  6. Que ótimo post, tenho a certeza que vai ser bastante útil para pessoas com o mesmo problema que tu.
    Beijinhos
    http://virginiaferreira91.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  7. siiim, atmbém tenho esse problema e uso exactamente o mesmo creme :)
    nao me afeta muito as mãos mas estou constantemente a fazer cortes nas orelhas e escusado será dizer que com a agua no verão a minha pele vira deserto aiii
    beijinhos

    http://umacolherdearroz.blogspot.pt/

    ResponderEliminar